Najwa Zaidan - Um pouco mais de nossos artistas

Hoje iremos conhecer um pouco mais de Najwa Zaidan.





1)À quanto tempo você dança?
Tenho de dança, completando em 2012, 10 anos.

2)O que te motivou a começar a praticar a Dança do 

Ventre?
Minha principal motivação foi encantamento com a dança e com a cultura, acho a dança maravilhosa.

3)Quem foi/ foram suas professoras? Que você admira

 muito no meio da dança?
 Minhas professoras foram Ledda Toda e Lulu Sabongi, entre outras profissionais que contribuíram muito para meu desenvolvimento, através de cursos e workshops, que admiro no meio da dança é o malabarismo que as bailarinas fazem para sobreviver da mesma e a dedicação que algumas bailarinas tem, as que fazem com amor a arte.


4)Você já sofreu algum preconceito na dança e fora dela?

Preconceito real e declarado não, mas pequenos comentarios indiscretos a respeito da profissão por parte de quem não conhece a cultura e a dança sim. sempre há comparações descabidas e generalizadas.



5)Quais suas músicas e artistas favoritos dentro e fora do estilo árabe?

SOU UMA APAIXONADA, admiradora de musica clássica, musicas de grandes orquestras e interpretadas por grandes bailarinas, musicas antigas que atravessam as décadas emocionando e encantando, gosto de om Kalthoun, gosto de Melhem Barakat, Fayrouz.... Composições de orquestras egípcias enfim, tudo que e clássico.






6)Quais os principais benefícios que a dança te trouxe?

 Maiores beneficios inicialmente notei no corpo, definição  musculares, consciência corporal e ao longo do percurso que você percebe que sua cabeça é a mais beneficiada que seu corpo, vc abre sua mente para outra cultura, treina seus sentidos , seu ouvido pela qualidade musical, eu acabei adquirindo refinamento corporal e auditivo, alem de complemento cultural.


7)Em algum momento durante sua carreira você pensou em largar tudo?

MUITAS e MUITAS e MUITAS vezes, com uma formação em educação física e administração, pensei em voltar para mercado formal de trabalho, mas quando chegamos a este ponto, ALGUMA COISA acontece na historia que te trás de volta a dança e ao caminho a seguir, a única explicação talvez que tenha para isso e destino, algumas pessoas nascem para fazer tal coisa e ali vc fica preso sem conseguir se desvincilhar.
                                                                                  

                                                                                    8)Como você define seu estilo?
Meu estilo é clássico, primo e busco aprofundar neste estilo, acredito ser mais completo e complexo também. 

9)O que você acha que tem de melhor?Seu ponto forte!

Difícil esta pegunta para mim, como toda bailarina buscamos aperfeiçoamento constante, vivemos atrás da perfeição, porem na atualidade que menos precisaria ajustar seria meus giros e deslocamentos.

10)Nos conte um sonho de consumo,um sonho impossível,e um já realizado.

Sonho ja realizado foi dançar emirados árabes, Líbano e Dubai, depois sem eu esperar mais um sonho Dancei na China , Japão, Filipinas, embarcada em um transatlantico...um sonho a realizar conseguir viver de dança com tranquilidade, com respeito e dignidade, coisa que vemos em outro pais e que nosso pais e tao difícil ter reconhecimento e apoio...



11)Quais são seus projetos atuais e futuro?

Projetos atuais, conseguir continuar visitando todo nosso Brasil com works e shows, de norte a sul, em todos tipos de comunidade, levar a dança aos locais de pouco acesso e futuro peco saúde para continuar a minha jornada, acredito que se planta colhe...quero hoje e amanha continuar dançando, ensinando e compartilhando a arte.


12)E pra fugir um pouco a regra nos fale de você:
Sua cor preferida,comida favorita,time de futebol,cantor preferido,um filme inesquecível,uma pessoa muito importante.

 Bom uma cor que gosto muito e preto e branco, uma comida que faz com que cometa pecado da gula e a cozinha ITALIANA, sou corintiana e cantor gosto muito de U2, filme GLADIADOR e uma pessoa importante para mim minha mãe, que é mãe, amiga parceira e me ajuda em tudo que preciso, segura a barra , e esta presente todos meus momentos sejam eles qual forem.

                                             13)O que você acha dos concursos,selos,padrões?Eles realmente influenciam em algo?

Selos e concursos são necessários para refinamento da arte e fazer uma peneira profissional, concursos para descobrir talentos, colocar a vista do publico que há de melhor a nível profissional, amador, infelizmente para que isso ocorra há um giro financeiro em torno disso e as vezes isso não se torna saudável, pessoas buscam mais ver lado financeiro que qualitativo ..enfim e eles sim influenciam nosso mercado, ditam moda e podem posicionar um profissional.


14)O que você acha que deveria mudar em relação a dança no Brasil?O que funciona bem e o que esta errado?

Que funciona bem, temos as melhores profissionais da América do sul reunidas aqui, temos acesso as informações e desenvolvemos a dança tao bem quanto as bailarinas de fora ( Nativas) que não funciona aqui falta de apoio do GOVERNO ao artista seja ele quem for...não viabiliza verbas , tudo e muito caro e não há uma real valorização de talentos aqui.




15) O que seria uma bailarina/dançarina perfeita para você?
Uma bailarina para mim perfeita ela tem conjunto de predicados : técnica apurada, dança que encanta quem assiste, simpatia, preze por seus figurinos e imagem, seja humilde e consiga fazer com que a pessoa que a assista seja levada um sonho, encantamento fora da realidade.


16) E sobre a polemica sobre ballet X dança do ventre, o que vc pensa a respeito?

Eu apoio o Ballet vigorosamente, para apoio a dança, para auxilio nas técnicas exercidas, para suporte , postura e tudo mais, mas exagerar nele dentro da dança, esquecer quadril a técnica tradicional não da, indico para suporte e não para fazer dele principal argumento dentro da dança.



17) Que conselho daria a quem está começando agora?
Tenha perseverança, estude com mestres renomados, se dedique, busque fazer pontes para divulgar seu trabalho, tenha uma segunda profissão na manga, para que ela te de suporte a te vc conseguir sobreviver da dança...respeite seus metres e use os ensinamentos da dança para bem estar próprio e do próximo..FACA COM AMORRRRRR..dance com a alma .


Vídeos:


1° Encontro Mahira Hasan- Najwa Zaidan



Najwa Zaidan



NAJWA ZAIDAN - NOITES DO HARÉM DIA 14 DE AGOSTO DE 2011




E essa foi a nossa entrevista com a Najwa Zaidan, espero que tenham gostado e aprendido um pouco mais...

Comentários

HAIYAT RAZIYA disse…
Amei a entrevista! Q coisa maravilhosa as entrevistas da Mafia proporcionando conhecimento amplo de gente talentosa e dedicada à arte! PARABÉNS!!!